24/jan/2017

Como deixar as casas de veraneios mais agradáveis e funcionais?

As arquitetas da Prima Projetos, cliente da Maíra Passos Comunicação, dão as dicas 

Seja na praia ou campo, verão é sinômino de fazer as malas e aproveitar a natureza. Para muita gente, contudo, casas de veraneio é sinal de desconforto, calor e banheiro quebrado. Mas as arquitetas Marília Villar e Priscila Gouveia, sócias da Prima Projetos, escritório com atuação no Recife e em São Paulo, dão dicas para planejar melhor esses espaços e eles serem, de fato, agradáveis e funcionais, mesmo ficando fechados a maior parte do ano.

Projeto da Prima

Projeto da Prima

Até porque, quando decide-se ter uma casa de lazer não se pode pensar em pegar os móveis que estão em desuso na sua residência fixa e “entulhar” na de veraneio. Segundo as arquitetas, fazendo dessa forma, quando a pessoa finalmente tiver tempo para descansar vai acabar gastando grande parte arrumando a casa. “O primeiro passo é importante analisar a rotina do espaço para deixa-lo otimizado. Isso requer móveis e decoração diferentes”, explica Marília Villar.

Para deixar o dia a dia desses ambientes funcionais, entre as dicas simples e baratas para mantê-los limpos, colocar tapetes, toneiras e ducha próximas às entradas principais. “Aproveitar mais o terraço também é importante para que ele não fique apenas como área de passagem, mas sim um espaço de convivência. Pode-se colocar mesas e cadeiras para fazer refeições agradáveis e poltronas confortáveis, com tecidos impermeáveis o de fácil lavagem, de preferência. E quem não tem terraço grande, pode expandir para área externa com materiais mais resistentes”, orienta Priscila Gouveia.

Já para os que ainda estão pensando em construir, a sugestão é deixar os acessos para cozinha e banheiro fáceis, de preferência que possam ter acesso pela parte externa também, já minimizando a circulação das pessoas dentro de casa. “O importante é deixar a área externa o mais interessante possível para evitar o fluxo de pessoas dentro de casa e, principalmente, sugerir o maior convívio com a natureza”, completa Marília.

ProjetosdaPrima (3)

Projeto da Prima

Sobre as cores, vai de acordo com o gosto de cada um. Tem gente que gosta mais de tons terrosos e uma decoração mais rústica para casas de campo e praia. Outros preferem muita cor para deixar a casa mais festiva, e há ainda opte por um ambiente mais clean. A recomendação das arquitetas é colorir de acordo com o perfil de cada um, só alertam para não abusar dos tons escuros, pois eles absorvem o calor e deixam o ambiente mais quente.

Já na iluminação, muitas pessoas preferem que seja mais leve, deixando o ambiente mais aconchegante, “mas isso pode ser feito em paralelo com uma iluminação geral para que, ao precisar de uma iluminação total, não haja problemas”, sugere Priscila. Segundo a arquiteta, pode-se investir em luminárias de piso, mesa (abajur) e arandelas para complementar a iluminação. “Para quem tem poucos pontos elétricos em casa uma opção é comprar luminárias que captam iluminação solar, carregadas a bateria e a pilhas também”.

Para os móveis, pensando numa maior durabilidade, os móveis para casa de praia feitos de ferro devem ser evitados, pois são os que se oxidam com mais facilidade. “Opte por peças em madeira maciça, em alvenaria, alumínio, fibra sintética e inox”, recomenda Marília. Outra dica é usar tecidos, estofados e tapetes com materiais sintéticos, que possuem maior quantidade de poliéster, são mais resistentes, limpam com mais facilidade e absorvem menos impurezas. “Evite o couro, seja natural ou sintético, pois ele se deteriora com o suor, além de não ser confortável no calor. Já hra de lavar, usar sempre produtos de limpeza neutros, porque agridem menos os móveis”, conclui a especialista.

SugestõesdeMóveiseObjetosproVerão

Sugestões de móveis e objetos | Ref. da Tok Stok

Mas em tempo de crise, como dar aquele up nas casas de veraneio sem gastar muito? Segundo as arquitetas, é possível, sim! É só apostar em objetos, como almofadas, quadros, luminárias, plantas, flores e trocar a pintura das paredes, opções simples e baratas que mudam completamente o ambiente. E entre as tendências que podem ser aproveitadas nessas repaginadas de ambientes, estampas com folhagem, móveis com palha, cores zul, verde e tons terrosos e revestimentos com tijolos aparentes.

>> Abaixo, confira mais dicas das arquitetas Priscila Gouveia e Marília Villar, da Prima Projetos, para ajudar na manutenção das casas de praias e de campo:

* Paredes externas: é interessante colocar pinturas com impermeabilizantes para proteger, faça sol ou faça chuva. Iss porque esse tipo de tinta forma uma película que previne e combate infiltrações, fissuras, algas e mofo

* Paredes internas: com grande fluxo de gente vale a pena investir numa tinta lavável, que nada mais é que uma tinta acrílica que possui um aditivo que age nas paredes, fazendo com que líquidos, como água, café, refrigerante e vinho sejam repelidos

* O uso de pedras, como São Tomé, Miracena e Pedra Portuguesa, deixa o ambiente mais natural, mas é preciso de limpeza frequente. Então, se a casa ficar muito tempo fechada não é muito interessante.

* Piso: principalmente na área onde existe grande contato com o sol, é importante o uso de materiais com baixa condutividade térmica.

– O piso em madeira é excelente para deixar o clima aconchegante e rústico. Mas precisa de cuidados especiais, a sua manutenção deve ser feita a cada dois anos por empresa especializada.
– Cerâmicas e porcelanatos também podem ser usados, desde que sejam com o acabamento natural (não polido) ou rústico, assim ele não fica escorregadio em contato com água.
– Cimento queimado com acabamento rústico para não ficar escorregadio com o contato com água.

A Prima Projetos atua presencialmente no Recife e São Paulo, além de virtualmente para todo o Brasil. Orçamentos podem ser solicitados através do e-mail primaprojetos@gmail.com. Mais informações pelos telefones (81) 98983.1515 (Priscila Gouveia) e (81) 99176.8189 (Marília Villar) ou no www.primaprojetos.com.br.

Postado por Maíra Passos

Compartilhar

Deixe seu comentário