29/dez/2014

Livro faz uma radiografia da nova economia de Pernambuco

A obra, que será lançada hoje (29), no Recife, de Cosme Maranhão e Elízia Romão, analisa a transformação econômica que o estado tem vivenciado nos últimos anos 

Tornar público o registro da evolução da economia de Pernambuco durante o período de 2007 a 2012, baseando-se em dados das operações mercantis dos setores industrial, atacadista e varejista. É com esse objetivo que será lançado hoje (29), às 19h, no Recife, o livro A nova Economia de Pernambuco – Uma Análise Econômico-fiscal dos Setores Industrial, Atacadista e Varejista, de Cosme Maranhão e Elízia Romão.

livros_a nova economia de pernambuco

Exemplares | FOTO: Maíra Passos

Na obra, a transformação econômica que Pernambuco tem vivenciado nos últimos anos é analisada a partir de dados econômico-fiscais de 466 atividades econômicas, oriundos das informações prestadas à Secretaria da Fazenda de Pernambuco por milhares de contribuintes de médio e grande porte pertencentes ao mencionados setores. Além do registro das migrações econômicas com base nas compras e vendas das cadeias produtivas, atacadistas e varejistas do estado, o livro aborda o processo de interiorização da nova matriz industrial pernambucana.

As principais características dos pólos industriais já consolidados no estado e os que hão de contribuir economicamente para o crescimento de Pernambuco nas próximas décadas também são relacionadas na obra. “Iniciamos o projeto de escrever este livro quando sentimos necessidade de mostrar o nível de evolução econômico-fiscal que o Estado de Pernambuco vinha atingindo ao longo dos anos. Delimitado o período a ser abordado, 2007 a 2012, foi gratificante verificar a consolidação do estado como vetor do desenvolvimento do Nordeste, ocupando posição de destaque nos indicadores nacionais”, afirma Elízia Romão.

Além do estudo da evolução econômica de Pernambuco, a obra traz comentários sobre a importância dos benefícios fiscais para o desenvolvimento do estado e seu processo de interiorização, bem como destaca o potencial econômico dos atuais polos industriais instalados e os que irão se consolidar nos próximos anos, como por exemplo, o de refino, petroquímico, naval e o automobilístico. “Com todos os dados reunidos, o livro tem a proposta de registrar a extraordinária evolução econômica ocorrida no estado no período analisado. Serve como fonte para os interessados em compreender melhor a materialização dessa expansão econômica, seja pelo viés do faturamento das cadeias econômicas ou pelo domicílio fiscal dos estabelecimentos empresariais nas regiões de desenvolvimento do estado”, analisa Cosme Maranhão.

O livro contém uma homenagem especial a Eduardo Campos pela sua enorme contribuição ao desenvolvimento do estado, é prefaciado pelo Senador eleito Fernando Bezerra Coelho e tem textos de apresentação de Paulo Drummond (Presidente da Vivix – Vidros Planos) e Antônio Alexandre (Secretário de Desenvolvimento Urbano da Prefeitura do Recife). A nova Economia de Pernambuco – Uma Análise Econômico-fiscal dos Setores Industrial, Atacadista e Varejista será lançado dia 29 de dezembro, na sede do Sindicato dos Auditores Fiscais de Pernambuco (Sindifisco), na Rua da Aurora. A produção independente publicada pela Companhia Editora de Pernambuco (Cepe) pode ser adquirida na Ello Consultoria (R. Cap. José da Luz, 25/1404 – Coelhos, PE) ou encomendada pelo telefone 81 3212.0722.

Postado por Maíra Passos

Compartilhar

Deixe seu comentário